beneficios da semente de linhaça

Porque devo consumir sementes de linhaça, benefícios e contraindicações

Consumir sementes de linhaça pode trazer diversos benefícios para o seu organismo. Ainda assim, este consumo não está livre de contraindicações. Conhece todas as vantagens e problemáticas associadas ao consumo desta semente? Então venha com o 1001 Dietas saber se deve consumir sementes de linhaça.

As sementes começam, cada vez mais, a integrar a rotina alimentar de muitas pessoas ao redor do mundo. Pequenas mas nutritivas e benéficas para o corpo, estas tornaram-se, gradualmente, parte integrante das nossas refeições.

Os benefícios de alimentos como as sementes de girassol, as sementes de chia ou as sementes de linhaça começaram, por isso mesmo, a ser questionados. Numa era pautada pelo desejo do corpo esbelto e da vida saudável, parece ser mais importante do que nunca conhecer todas as vantagens inerentes ao consumo de cada um dos ingredientes que pintam o nosso prato.

Além disso, em fases específicas da nossa vida – como a gestação – torna-se também importante garantir que os alimentos consumidos são efetivamente seguros, o que leva as mulheres a questionar, por exemplo, a relação entre a linhaça e gravidez.

Sabendo como é importante conhecer as propriedades, as vantagens e os efeitos secundários de consumir sementes de linhaça, foi sobre este tema que hoje nos debruçámos, para levar até si todos os benefícios e contraindicações inerentes a este consumo. Venha connosco neste artigo para saber se deve consumir sementes de linhaça.

1. O que são as sementes de linhaça? beneficios da semente de linhaça

As sementes de linhaça, também conhecidas apenas como linhaça, são as sementes do linho (cujo nome cirentífico é Linum Usitatissimum).

Estas sementes são conhecidas pelo seu uso culinário e medicinal; já que se adequam, de forma versátil, à confeção de pratos diversos e contribuem, também, para melhorar diversos aspetos da saúde humana.

A riqueza nutricional das sementes de linhaça cria, nesta, propriedades fundamentais, que podem ajudar no cumprimento dos objetivos principais da nossa época: o de um corpo magro e saudável.

Quais são as propriedades das sementes de linhaça?

As funções das sementes de linhaça são diversas. Estas pequenas sementes apresentam, pois, propriedades reguladoras, antioxidantes, nutritivas, desintoxicantes, saciantes e anticancerígenas.

Na sua maioria, estas propriedades resultam da presença, nesta semente, de fibras alimentares, ácidos gordos e óleos e lignanas.

Quais são os nutrientes das sementes de linhaça?

Sendo os responsáveis pelas propriedades da semente, vale a pena referir a composição nutricional das sementes.

As sementes de linhaça são compostas por ácidos gordos ómega 3, ómega 6 e ómega 9 (que ajudam a eliminar o sódio em excesso do organismo, fortalecem o sistema imunitário e agem como desintoxicantes naturais); por proteínas; por fibras; diversos minerais (zinco, ferro, magnésio, fósforo, cálcio) e também as vitaminas do complexo B (incluindo a vitamina B1 e a vitamina B2) e as vitaminas C e E.

2. Quais os principais benefícios de consumir sementes de linhaça?

Com todas as suas propriedades e devido à sua composição nutricional, consumir sementes de linhaça traz inúmeros benefícios para a saúde. Entre os principais benefícios de consumir sementes de linhaça podemos destacar os seguintes:

– Aliadas no processo de perda de peso;
– Sensação prolongada de saciedade e bem-estar;
– Regulação do intestino;
– Prevenção de doenças cancerígenas;
– Prevenção de doenças cardiovasculares;
– Regulação da tensão arterial;
– Papel no tratamento de problemas ósseos e articulares;
– Melhoria da saúde cutânea;
– Contributo (mediante consumo com moderação) para uma gestação saudável;
– Prevenção do envelhecimento precoce;
– Alívio dos sintomas da menopausa
– Aporte energético.

3. Quais as contraindicações de consumir sementes de linhaça?

Embora consumir sementes de linhaça possa ser muito benéfico para a saúde, não podem ser negados os seus efeitos secundários.

Na verdade muitos estudos têm olhando para esta semente, em busca das suas melhores propriedades mas também dos eventuais riscos associados ao seu consumo.

Assim, em primeiro lugar, é necessário referir que as sementes de linhaça podem causar reações alérgicas, tanto em pessoas intolerantes ao seu consumo, como nas restantes, quando consumida em excesso.

Em segundo lugar, pessoas que sofram de esclerose sistémica devem evitar o consumo destas sementes, sendo possível que as mesmas causem situações como obstipação ou obstrução intestinal.

Em terceiro lugar, consumir sementes de linhaça é algo que deve ser feito com moderação por pessoas com diabetes, já que alguns estudos demonstram que o seu consumo pode, em alguns casos, aumentar os índices glicémicos na corrente sanguínea.

Por fim, vale ainda a pena referir que pessoas com problemas sanguíneos ou tendência para fazer hemorragias devem evitar consumir sementes de linhaça, já que estas tornam o sangue mais fluído.

Já conhecia as vantagens de consumir sementes de linhaça? Quais são os benefícios e efeitos secundários que sentiu ao integrar esta semente na sua rotina alimentar? Não deixe de partilhar a sua experiência pessoal com os restantes leitores do 1001 Dietas.

Algumas fontes: saudecuf greenme healthline webmd minhavida

3

Sem Comentários

Escreva um comentário