Como funciona a dieta alcalina

Como funciona a dieta alcalina, quais alimentos permitidos

Como funciona a dieta alcalina, quais alimentos permitidos.

Uma das dietas que está a ganhar adeptos é a dieta alcalina. Já ouviu falar dela? Sabe como funciona a dieta alcalina? E conhece os alimentos permitidos durante a sua aplicação no seu quotidiano?

Se quer saber mais sobre esta aclamada dieta, venha com o 1001 Dietas saber como funciona a dieta alcalina e quais os seus aliados neste processo.

O que não falta, nos nossos dias, é um leque vasto de dietas que afirmam poder melhorar a qualidade de vida (e o corpo) de quem as segue.

A preocupação com a vida saudável e a busca pela aparência fit está na ordem do dia e, subitamente, parece que todos querem saber qual o segredo da dieta saudável.

Para os adeptos da dieta alcalina, este não é um segredo.

As pessoas que acreditam que o consumo de alimentos alcalinos, que ajudam a eliminar toxinas e a emagrecer, é o melhor caminho, fazem a defesa desta dieta, afirmando que a regulação do pH do corpo mediante a ingestão deste tipo de alimentos pode trazer benefícios diversos para a saúde e o aspeto global das pessoas.

A dieta alcalina é, no fundo, uma dieta que visa a regulação do pH dos fluidos corporais, ajudando na regulação da acidez corporal.

Embora muitos dos adeptos da dieta afirmem que esta altera o pH, não só da urina, mas também do sangue, os estudos realizados não são unânimes quanto a esta afirmação e mais evidências terão de ser recolhidas para que se chegue a uma conclusão efetiva.

Certo é que, segundo os especialistas, o pH do sangue deve ser mantido entre os 7,35 e os 7,45.

Embora o papel da dieta alcalina para a manutenção destes índices seja, ainda, algo controversa, vale a pena explorar os meandros desta dieta e compreender como funciona a dieta alcalina.

Se quer conhecer o funcionamento, os benefícios e os alimentos permitidos da dieta alcalina, este artigo é mesmo para si.

Venha com o 1001 Dietas explorar os meandros deste tipo de dieta.

1. Como funciona a dieta alcalina?

Saber como funciona a dieta alcalina é muito importante para garantir que faz as melhores escolhas, promovendo os seus melhores efeitos.

Para tal, é necessário compreender o que acontece, a nível físico, ao iniciar esta dieta.

Os rins são o órgão do corpo humano responsável por manter os níveis de cálcio, magnésio, sódio e potássio equilibrados no nosso corpo.

Estes minerais, conhecidos globalmente como eletrólitos tendem a ser libertados para combater a acidez quando o corpo é exposto a elementos ácidos.

Ao longo dos anos, a alteração alimentar tem promovido um aumento na ingestão de alguns nutrientes e a supressão de outros isto provoca um fenómeno corporal de aumento de “acidose metabólica”, que corresponde, no fundo, a um desequilíbrio do pH do corpo.

O pH desequilibrado do organismo é um promotor do processo de degeneração corporal, sendo responsável pela perda das funções orgânicas, pela perda muscular e óssea e, em geral, pelo processo de envelhecimento.

Desta forma, a forma como funciona a dieta alcalina visa, principalmente, a busca pelo equilíbrio, para evitar que a acidez corporal faça com que o corpo recorra às reservas minerais dos ossos, dos tecidos, dos órgãos e das células; procurando cortar com os alimentos que promovem o aumento da acidez.

O princípio desta dieta é que o consumo de alimentos alcalino será, pois, responsável por um melhor pH corporal.

dieta alcalina

2. Quais os benefícios da dieta alcalina?

Ao saber como funciona a dieta alcalina é natural que queira, também, saber o que esperar da mesma.

Na verdade, esta dieta impacta em vários aspetos da vida e da saúde humana, acarretando benefícios diversos.

Uma dieta alcalina irá ajudar na proteção da massa muscular e da densidade óssea, evitando a chamada sarcopenia (perda de musculatura esquelética e de massa muscular), mantendo um equilíbrio mineral no corpo, importante para a manutenção destas estruturas.

Além disto, aumentando a produção das hormonas de crescimento e reduzindo inflamações, esta dieta reduz o risco de hipertensão, mau colesterol, derrame ou aparecimento de cálculos renais.

Outro benefício da dieta alcalina é a redução das inflamações corporais e subsequente redução das dores provocadas pelas mesmas (como dores menstruais ou dores nas articulações).

Ao aumentar a absorção vitamínica, esta dieta ajudará ainda a melhorar a imunidade e irá estimular o metabolismo.

A dieta alcalina contribui ainda para a perda e para a manutenção do peso, tendo uma ação saciante e um papel ativo na queima da gordura corporal.

3. Quais os alimentos permitidos na dieta alcalina?

Entre os seus aliados nesta jornada alcalina encontram-se vários alimentos dos mais variados grupos alimentares.

Assim, entre os alimentos permitidos pela dieta alcalina poderá encontrar inúmeros vegetais (como espargos, brócolos, chilli, curgete, feijão verde, espinafres, couve, endívias, gengibre, menta, couves de bruxelas, cenouras, beterraba, alface e abóbora), frutas diversas (como o abacate, o limão, o coco ou a romã); grãos, frutos secos e sementes (como a chia, as lentilhas, a quinoa, os rebentos de soja, os grãos de soja, as sementes de sésamo e as amêndoas); alguns óleos (como o óleo de coco, o óleo de abacate ou o azeite); e também bebidas (como a água, o leite de amêndoas ou a água).

Já sabia como funciona a dieta alcalina e todos os seus alimentos permitidos? Chegou a experimentar esta dieta? Conte-nos mais sobre a sua experiência pessoal.

Algumas fontes: webmd  avocadoninja  scimed  vidaativa  lifestyle.sapo

5

Sem Comentários

Escreva um comentário