in

Covid-19 e confinamento: devem os ginásios fechar?

Já sabemos que, na nova fase de confinamento para contenção da pandemia Covid-19 os ginásios serão novamente encerrados. Mas devem os ginásios fechar? Venha com o 1001 Dietas conhecer algumas perspetivas.

A narrativa da pandemia Covid-19 já leva perto de um ano de existência mas algumas das discussões em torno dos problemas motivados pelas medidas de contenção ainda estão presentes.

Além de a pandemia estar a impactar profundamente nas experiências de exercício da população e a impactar na vida de grupos específicos, afetando, por exemplo, a experiência das grávidas; esta está a levantar questões formais que levam as entidades oficiais a manifestar-se quanto à temática.

Por um lado, neste processo, assistimos a uma tendência cada vez maior para buscar o reforço imunitário, sendo que as pessoas estão, cada vez mais, a tomar suplementos para se manter saudável durante o isolamento e a procurar formas de praticar exercício físico na quarentena. Ainda assim, a Associação de Empresas de Ginásios e Academias de Portugal (AGAP) demonstrou preocupação quanto ao novo encerramento dos ginásios, acreditando que, além de desnecessária, esta poderá ser prejudicial para os utilizadores dos espaços (que se verão privados da atividade física) e para os próprios ginásios (que poderão não sobreviver ao impacto económico de uma nova paralisação). (1)

Venha compreender as perspetivas em torno do fecho dos ginásios com o 1001 Dietas.

Covid-19 e confinamento: devem os ginásios fechar?

A opinião da AGAP

Antes mesmo de termos contactado com o anúncio das medidas oficiais do novo confinamento, a Associação de Empresas de Ginásios e Academias de Portugal (AGAP) manifestou a sua opinião sobre esta temática, demonstrando-se fortemente contra o encerramento dos espaços de treino durante o confinamento.

A associação defende que, não só estes espaços, com a integração das normas de segurança atuais, não consistem em espaços de elevado risco de contágio, como defende que os ginásios podem ser uma parte da solução para combater o vírus, já que ajudam a reforçar o organismo e o sistema imunitário dos atletas. (2)

A associação encontra-se ainda preocupada com o impacto que a nova paralisação poderá ter na saúde dos portugueses, ao impedir as suas normais rotinas de treino e com o facto de muitos ginásios não terem a viabilidade financeira para sobreviver a uma nova paragem.

As medidas relacionadas com o treino

Segundo as medidas anunciadas pelo Primeiro Ministro, durante o confinamento os espaços destinados à prática de atividade física serão encerrados pelo período de confinamento nacional.

Isto significa que todos os locais onde a prática coletiva de desporto e atividade física é realizada, incluindo ginásios, pavilhões, piscinas e outros espaços similares serão encerrados. Espera-se que a paralisação destes espaços tenha, no mínimo, a duração de um mês. (3)

Excluem-se desta regra os desportos profissionais, incluindo o futebol que deverá manter a atividade da primeira e segunda liga.
A prática desportiva ao ar livre será permitida, desde que realizada individualmente e em espaços abertos.

Qual é a sua opinião pessoal quanto ao encerramento dos ginásios? Partilhe-a com os restantes leitores do 1001 Dietas.

Clique em uma estrela para avaliar.

0 / 5. Contador de votos: 0

Escrito por Equipa 1001 dietas

Uma dica sobre dietas por dia, não sabe o bem que lhe fazia!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

Boceja no treino

Boceja no treino? Conheça as razões

Obesidade e Covid-19

Obesidade e Covid-19: conheça os riscos